VEM PRO GOOGLE

VOCÊ ENCONTROU O QUE QUERIA? PESQUISE. Nas guias está a matéria que interessa a você.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.
GUIAS (OU ABAS): 'este blog', 'blogs interessantes', 'só direito', 'anotações', 'anotando e pesquisando', 'mais blogs'.

quinta-feira, 22 de maio de 2008

COLETÂNEA DE CITAÇÕES - QUARTA PARTE

“Um admirador indiano de Madre Teresa, homem de negócios, mandou, um dia, imprimir para ela um cartão de cor amarela portador de cinco linhas. A Madre chamava-o “cartão de visita”, que ela distribuía amplamente, pois explicava toda a misteriosidade de sua obra. Essas cinco linhas correspondem às cinco etapas da caminhada trilhada por ela e proposta ao mundo: “O Fruto do silêncio é a Oração; O Fruto da oração é a Fé; O Fruto da fé é o Amor; O Fruto do amor é o Serviço; O Fruto do serviço é a Paz.” Este programa de cinco etapas decorre da experiência e da reflexão de Madre Teresa e de suas irmãs.”

“Um amigo é um presente que te dás a ti mesmo.” (Robert Louis Stevenson)

“Um anel de ferro sobre o qual estavam gravadas as insígnias do rei dirigiu-se a um anel de ouro: “Há sobre ti também essas insígnias?” “Não,” respondeu o anel de ouro. O anel de ferro disse: “Então sou melhor que tu.” O anel de ouro perguntou: “Como te chamas?” Respondeu: “Ferro.” Prosseguiu o anel de ouro: “Essas insígnias mudaram tua natureza de ferro?” Respondeu: “Não.” Perguntou o anel de ouro: “O fato de não ter insígnias tira-me minha natureza de ouro?” Respondeu: “Não.” Disse o anel de ouro: “Então, cala-te e vê por ti mesmo quem possui o valor maior.” (Rûmi, O Livro de Dentro)

Veja, também, o material coletado em Eros Roberto Grau:
http://www.blogger.com/blogger.g?blogID=1377568813988760878#editor/target=post;postID=5645046139743444074


“Um banco é um lugar em que eles te emprestam um guarda-chuva quando o tempo está bom e pedem de volta quando começa a chover.” (Robert Frost)

“Um bispo, disse a um marido enganado que se queixava à alta voz: Cala-te. É melhor ser Cornelius Tacitus que Publicus Cornelius.” (Leon A Harris)


“Um anjo mandou Babuque verificar se a cidade de Persépolis deveria ser destruída. Babuque vai, e fica horrorizado com os vícios que descobre; mas, após algum tempo, começa a gostar da cidade, cujos habitantes eram polidos, afáveis e beneficentes, embora fossem inconstantes, caluniadores e...
frívolos. Tinha mesmo medo de apresentar seu relatório. Apresentou-o, contudo, da seguinte maneira: preparou material para a confecção de uma estatueta: metais, barro e pedras (das mais preciosas às mais vis) e pediu que a fundisse a um dos melhores fundidores da cidade. Depois, levou-a ao anjo e perguntou-lhe: “Quebraríeis esta bonita estatueta porque não é composta somente de ouro e diamantes? O anjo resolveu não pensar mais em destruir Persépolis, mas deixar “o mundo como ele é”. (Voltaire)


“Um avaro, a quem um infeliz solicitava ajuda, disse-lhe: “Um de meus olhos é de vidro. Se adivinhar qual dos dois, terá o dinheiro.” - É o esquerdo, exclamou o solicitante sem hesitar. - Como soube? - Vi nele um brilho de compaixão.” (Editora Hachette, Paris, A Volta ao Mundo do Riso)

“Um centavo para a mulher é um centavo para a família; um centavo para o homem é um centavo para o homem.” (Provérbio indiano)

“Um coração contente é festim permanente”.

“Um dia é da caça, outro é do caçador”.

“Um dia, a benemerência e a gratidão encontraram-se às portas do paraíso. São Pedro pensou que tinham vindo juntas e cumprimentou-as pelas grandes coisas que deviam ter feito em colaboração na terra. Mas as duas virtudes o interromperam, dizendo: “Enganai-vos, grande santo: esta é a primeira vez que nós nos encontramos”.” (Citado por Hervé de Peslouan)

“Um dia, o cachorro de estimação do rei insistia em morder o tapete. O rei tentou fazê-lo parar, sem conseguir, e terminou dando-lhe um biscoito para que ficasse quieto. “Majestade, disse o sábio que a tudo assistia, V. Alteza acaba de ensinar o cachorro a morder o tapete.”

“Um diamante pode cair na lama, e um pedaço de vidro, figurar num diadema. Mas na hora de comprar e vender, vidro é vidro e diamante é diamante.” (Provérbio indiano)

“Um dos piores erros que se pode cometer como jardineiro é pensar que se manda no jardim.” Janet Gillespie.

“Um erro da largura de um fio de cabelo pode causar um desvio de mil quilômetros”. (provérbio chinês)

“Um fracassado é uma pessoa que falha no propósito de continuar lutando...”

“Um gato observando um rato parece personificar a última forma de atenção, até que vejamos uma pequena cidade observando um viúvo.”

“Um gênio é uma pessoa de talento que faz toda a lição de casa.” (Thomas A. Edison)

“Um grande incêndio pode vir depois de uma pequena fagulha”. (provérbio chinês)

“Um homem cheio de si é sempre vazio.” (G. Regismanset)

“Um homem é rico na proporção do número de coisas que pode dispensar.” (H. D. Thoreau)

“Um homem não é tão ferido pelo que acontece, como pela sua opinião sobre o que acontece.” (Montaigne)

“Um homem não pode fazer o certo numa área da vida, enquanto está ocupado em fazer o errado em outra. A vida é um todo indivisível.” (Mahatma Gandhi)

“Um homem sábio conhece tudo; um homem sabido conhece todos.”

“Um homem se sente menos ferido pelo que lhe acontece do que como isso lhe acontece.”

“Um homem sem endereço é um vagabundo; um homem com dois endereços é um libertino.” (George Bernard Shaw)

“Um hóspede, como um peixe, começa a feder no terceiro dia.” (Guido Cavalcanti)

“Um idiota pobre é um idiota; um idiota rico é um rico.” (Afrânio Peixoto)

“Um inimigo declarado é perigoso, mas um falso amigo é pior.”

“Um livro é como uma janela. Quem não o lê, é como alguém que ficou distante da janela e só pode ver uma pequena parte da paisagem.” (Kahlil Gibran)

“Um marido usa uma máscara com o mundo e uma careta com sua mulher.” (Marivaux)

“Um mentiroso é sempre pródigo em juramentos.” (Pierre Corneille)

“Um momento de paciência pode evitar um desastre. Um momento de impaciência pode arruinar toda uma vida.” (provérbio chinês)

“Um otimista vê uma oportunidade em cada calamidade. Um pessimista vê uma calamidade em cada oportunidade.” (Winston Churchill)

“Um pássaro não pode voar enquanto suas penas não estiverem plenamente desenvolvidas”. (provérbio chinês)

“Um pastor disse ao pai: “Ensina-me a bondade.” e teve como resposta: “Sê bom, mas que a tua mansidão não faça o lobo tornar-se audacioso.” (Saadi, O Jardim das Rosas)

“Um pedante que viu Sólon chorar a morte de uma filho, disse-lhe: “Porque choras assim, se tuas lágrimas de nada servem?” Respondeu o sábio: “Por isso mesmo, porque de nada servem...”

“Um pequeno passo para o homem, um gigantesco passo para a humanidade.” (Neil Armstrong)

“Um pequeno vazamento eventualmente afundará um grande navio”. (provérbio chinês)

“Um ramo cortado torna a crescer; a lua minguante volta a ser cheia. Sábio é quem pensa nisto e não se desgasta com as contrariedades.” (Bhartrhari)

“Um relato honesto se desenrola melhor se o fazem sem rodeios.” (Shakespeare)

“Um sábio passou por um grupo de vagabundos. Dirigiram-lhe palavras más. Ele, respondeu dirigindo-lhes boas palavras. A um amigo surpreendido, esclareceu: “Cada um oferece o que tem”. (Al-Majani)

“Um só ramo em flor tem mais futuro do que toda uma floresta seca. E numa só semente de trigo, há mais vida do que num montão de feno.” (Gibran Khalil Gibran, Curiosidades e Belezas)

“Um sultão sonhou que havia perdido todos os dentes. Logo que despertou, mandou chamar um adivinho para que interpretasse o sonho. - Que desgraça, senhor!, exclamou o adivinho. Cada dente caído representa a perda de um parente de Vossa Majestade! - Cachorro!, gritou o sultão enfurecido. Como te atreves a dizer-me semelhante coisa? Fora daqui! E ordenou que lhe dessem cem açoites. Chamado outro adivinho, este falou assim: “Excelso senhor! Grande felicidade vos está reservada! O sonho significa que haveis de sobreviver a todos os vossos parentes!” Iluminou-se a fisionomia do sultão, e mandou dar cem moedas de ouro ao segundo adivinho. Quando este saía do palácio, um dos cortesões lhe disse: “Afinal, a interpretação que fizeste do sonho foi a mesma do teu colega.” - Lembra-te, meu amigo, tornou o adivinho, que tudo depende da maneira de dizer... (da sabedoria árabe)

“Um tolo que reconhece ser tolo é sábio pelo menos nisto, mas um tolo que se acha sábio é plenamente um tolo.” (Dhammapala)

“Um viajante inglês conta como acabou por ganhar a amizade de um tigre. Ele o havia criado e o acariciava. Mas sobre a mesa, mantinha sempre um revólver carregado.” (Stendhal, O Preto e o Branco)

“Uma boa aparência é uma carta de apresentação”.

“Uma cega te ama/ Os olhos abrem-se/ Não, não te ama/ Um rico, em álcool, é teu amigo e lúcido repele tua riqueza/ A confusão é nossa, que esquecemos o que há de água, de sopro e de inocência no fundo de cada um de nós, terrestres/... Ficaste apenas um operário comandado pela voz colérica do megafone/ És parafuso, gesto, esgar/ Recolho teus pedaços: ainda vibram, lagarto mutilado.” (Carlos Drummond de Andrade)

“Uma chave de ouro abre todas as portas.” (Provérbio alemão)

“Uma coletânea de pensamentos é uma farmácia moral, onde se encontram remédios para todos os males.” (Voltaire)

“Uma comissão consiste de uma reunião de pessoas importantes que, sozinhas, não podem fazer nada, mas que, juntas, decidem que nada pode ser feito.” (Fred Allen)

“Uma esposa é um presente dado ao homem para consolá-lo da perda do Paraíso.” (Goethe)

“Uma gota de sorte é preferível a um barril de sabedoria”.

“Uma imagem vale por mil palavras”.

"Uma injustiça feita a um só é uma ameaça feita a todos." (Montesquieu)

“Uma mão lava a outra”.

“Uma máquina pode fazer o trabalho de cinqüenta homens comuns. Nenhuma máquina pode fazer o trabalho de um homem extraordinário.”

“Uma montanha tinha dores de parto; e pelos seus terríveis gemidos, havia na região grandes expectativas. No fim, pariu um ratinho.” (De uma fábula de Fedro)

“Uma mulher casa-se com um homem acreditando que conseguirá mudá-lo; um homem casa-se com uma mulher acreditando que ela não mudará.”

“Uma mulher se inquieta com o futuro até encontrar um marido, ao passo que um homem começa a se inquietar com o futuro após ter encontrado uma mulher.” (Da revista Woman’s Home Companion)

“Uma ovelha ruim põe um rebanho a perder.”

“Uma pequena inflação é como uma pequena gravidez: continua a crescer.” (Leon Henderson, economista americano)

“Uma pessoa honrada é uma maioria de um”. (provérbio chinês)

“Uma vida inútil eqüivale a uma morte prematura.” (Goethe)

“Use cada passo como base”. (provérbio chinês)

“Vaidade das vaidades, tudo é novidade”. (Bíblia)

“Vale mais um inimigo sábio que um amigo ignorante.”

“Vão as leis onde querem os reis”.

“Vão-se os amores, ficam as dores”.

“Vão-se os gatos, passeiam os ratos”.

“Vê como brincam esses cães: acariciam-se, abraçam-se, contemplam-se, e parecem-te bons amigos. Atira-lhes um osso, e verás o que acontece. Assim é a amizade dos irmãos e dos pais com os filhos. Havendo de permeio uma terra, um campo, uma amante, não há pais, nem irmãos, nem filhos.” (Epicteto)

“Vê mais longe a gaivota que voa mais alto.” (Richard Bach)

“Veja a adversidade como uma oportunidade disfarçada”. (provérbio chinês)

“Velho enamorado, cedo enterrado”.

“Vencer a si mesmo é mais que vencer o mundo”.

“Vencer uma discussão não significa ter convencido o oponente”. (provérbio chinês)

“Vendeu o sol para comprar uma vela.” (Dito judeu-espanhol)

“Ventre em jejum não ouve a nenhum”.

“Vênus, uma bela mulher, de bom gênio, era a deusa do amor; Juno, uma víbora, a deusa do casamento. E sempre foram inimigas mortais.” (Swift)

“Vivemos período marcado por aquilo que se poderia denominar banalização do dano moral. Notícias divulgadas pela mídia, muitas vezes com estardalhaço, a respeito de ressarcimentos milionários por alegado dano moral, concedidos por juízes no país e no exterior, acabam por influenciar as pessoas, que acabam por crer na possibilidade de virem a receber polpudas indenizações por aquilo que, a rigor, menos que dano moral, não constitui mais que simples aborrecimento.” (Do Des. Elliot Akel, do TJSP, in Ap. Cív. 101.697-4/0-00, COAD/ADV, Informativo, boletim semanal 44/2000)

“Viver é a coisa mais rara do mundo. A maioria das pessoas apenas existe.” (Oscar Wilde)

“Vivo numa profunda miséria, mas ainda há calma e música dentro de mim. Vejo pinturas e desenhos nos cantos mais sujos.” (Van Gogh)

“Você não é um ser humano que está passando por uma experiência espiritual. Você é um ser espiritual que está vivenciando uma experiência humana.” (Wayne W. Dyer)

“Vocês podem me acorrentar, torturar e até destruir meu corpo, mas nunca aprisionarão minha mente.” (Mahatma Gandhi)

“Vou ficando um pouco mais modesto, mas também um pouco mais orgulhoso de minha modéstia.” (Jules Renard)


"Fui um crítico exacerbado de Kelsen, ousadamente, até o momento em que verifiquei que há dois Kelsen: o verdadeiro, crítico formal do direito, e aquele em que o transformam alguns dos seus leitores." Eros Roberto Grau

"Percebi, então, que minhas críticas a Kelsen deveriam ser não a ele destinadas, porém a alguns supostos kelsenianos, aqueles que fazem com que a teoria de Kelsen seja importante não pelo que estuda, mas sim pelo que deixa de estudar." Eros Roberto Grau

"Basta a visualização do sistema jurídico como uma ordem teleológica, de toda sorte, para que o edifício do formalismo jurídico resolte destruído; basta referirmos o direito pressuposto para que sejam desnudadas as insuficiências metodológicas do positivismo." Eros Roberto Grau

"Os kelsenianos são vítimas também da postura metodológica que assumem diante do direito, como objeto de conhecimento, divisando-o apenas enquanto forma." Eros Roberto Grau
Respeite o direito autoral.
Gostou? Faça uma visita aos blogs. É só clicar nos links:
Esteja à vontade para perguntar, comentar ou criticar.
Um abraço!
Thanks for the comment. Feel free to comment, ask questions or criticize. A great day and a great week! 

Maria da Glória Perez Delgado Sanches
Postar um comentário

ITANHAÉM, MEU PARAÍSO

ITANHAÉM, MEU PARAÍSO
Ah, se eu pudesse! Você pode! A escolha é sempre sua.

Quem sou eu

Minha foto

Da capital, já morei entre verde e bichos, na lida com animais e plantas: anos de injeção, espinho de ouriço, berne, parto de égua e curva de nível, viveiros, mudas, onde encontrei tempo para lecionar inglês, alfabetizar adultos e ler livros, na solidão do mato. 

Paixões se sucederam e convivem até hoje: Contabilidade, Economia, Arquitetura (IMES, MACK), a chácara e, afinal, o Direito (FDSBC, cursos e pós graduações). No Judiciário desde 2005, planto, replanto, reciclo, quebro paredes, reconstruo, estudo, escrevo e poetizo, ao som de passarinhos, que cantam nossa liberdade.

Não sou da cidade, tampouco do campo. Aprendiz, tento captar o que a vida oferece, para que o amanhã seja melhor. Um mundo melhor, sempre.

Agora em uma cidade mágica, em uma casa mágica, na qual as coisas se transformam e ganham vida; mais e mais vida. Minha cidade-praia-paraíso, Itanhaém.

Nesta casa de espaços amplos e um belo quintal, que jamais é a mesma do dia anterior, do minuto anterior (pois a natureza cuida do renovar a cada instante o viço, as cores, flores, aromas e sabores) retomei o gosto pelo verde, por releituras de espaços e coisas. Nela planto o que seja bom de comer ou de ver (ou deixo plantado o que Deus me trouxe), colho, podo, cozinho os frutos da terra, preparo conservas e invento pratos de combinações inusitadas, planejo, crio, invento, pinto e bordo... sonho. As ideias brotam como os rebentos e a vida mostra-se viva, pulsante.

Aqui, em paz, retomo o fazer miniaturas, componho terrários que encantam, mensagens de carinho representadas em pequenas e delicadas obras. 

Muito prazer! Fique à vontade, passeie um pouco: questões de Direito, português, crônicas ("causos"), jardinagem e artesanato. Uma receita, uma experiência nova, um redescobrir. 

Pergunte, comente, critique, ok? A casa é sua e seu comentário será sempre bem-vindo.

Maria da Gloria Perez Delgado Sanches

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!