VEM PRO GOOGLE

VOCÊ ENCONTROU O QUE QUERIA? PESQUISE. Nas guias está a matéria que interessa a você.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.
GUIAS (OU ABAS): 'este blog', 'blogs interessantes', 'só direito', 'anotações', 'anotando e pesquisando', 'mais blogs'.

quinta-feira, 22 de maio de 2008

COLETÂNEA DE CITAÇÕES - SEGUNDA PARTE

“Em todas as suas fases, a história apresenta bons juízes; em poucas, apresenta boa magistratura.” (Edgar de Moura Bittencourt – In O Juiz, in Revista Consulex, ano II, nº 13, janeiro 1998, p. 16)

“Em vez de chorar o leite derramado, vá ordenhar outra vaca.”

“Enfrenta tuas dificuldades como homem: atribui-as a tua mulher.” (Samyra Baalbaqui)

“Engraçado, costumam dizer que tenho sorte. Só eu sei que quanto mais eu me preparo mais sorte eu tenho.” (Anthony Robbins)

“Enquanto andam os gatos pelo telhado, andam os ratos pelo sobrado”.

“Enquanto disputam os cães, como o lobo e a ovelha”.

“Enquanto ferve a panela, floresce a amizade”.

“Enquanto há figos, há amigos”.


Veja, também, o material coletado em Eros Roberto Grau:
http://www.blogger.com/blogger.g?blogID=1377568813988760878#editor/target=post;postID=5645046139743444074


“Enquanto há vida, há esperança”.

“Enquanto não tiveres conhecido o inferno, o paraíso não será bastante bom para ti.” (provérbio curdo)

“Enquanto o ouro luz, os amigos são de truz”.

“Enterrado, perdoado”.

“Entre a adulação e o respeito há uma incompatibilidade absoluta: quem respeita não adula, quem adula não respeita.” (Carolina Ivanoska)

“Entre a cruz e a caldeirinha”.

“Entre nosso inimigos, os que devemos mais temer são os menores” (Racine)

“Envelhecer não é tão catastrófico se considerarmos a alternativa...” (Maurice Chevallier)

“Errar é humano, mas quando a borracha se gasta mais do que o lápis, você está positivamente exagerando.” (J. Jenkis)

“Errar é humano. Botar a culpa nos outros, também.” (Millôr Fernandes)

“Errar é humano; mas atribuir o erro aos outros é ainda mais humano.”

“Erros são, no final das contas, fundamentos da verdade. Se um homem não sabe o que uma coisa é, já é um avanço do conhecimento saber o que ela não é.” (Carl Jung)

“Escrevem-se na areia os favores e gravam-se no metal as ofensas”.

“Espalhei meus sonhos aos seus pés. Caminhe devagar, pois você estará pisando neles.” (W. B. Yeats)

“Espera do teu filho o mesmo que fizeste a teu pai.” (Tales de Mileto)

“Espere com paciência, ataque com rapidez”. (provérbio chinês)

“Esposa: uma ex-amada.” (H. L. Mencken)

“Estamos sempre disposto a acreditar naqueles que não conhecemos, pela simples razão de que esses ainda não tiveram oportunidade de nos enganar.” (Samuel Johnsson)

“Estamos todos num mesmo barco em mar tempestuoso e devemos uns aos outros uma terrível lealdade.” (G.K.Chesheston)

“Estar entre a espada e a parede”.

“Estar entre dois fogos”.

“Estar entre o martelo e a bigorna”.

“Estás pedindo 200 esterlinas por duas horas de trabalho? – Não, senhor, estou pedindo 200 esterlinas por uma vida inteira de estudo e preparo.” (James Whistler)

“Estatísticas. O economista Walter Heller diz que a palavra média pode provocar grandes confusões, particularmente quando usada por um estatístico. Exemplo do Dr. Heller: “Se um homem ficar com um pé num fogão quente e com o outro num congelador, o estatístico dirá que, em média, ele está numa situação confortável.” (Leonard Lyons)

“Estudam-se três semanas, amam-se três meses, brigam-se três anos, toleram-se trinta anos.” (André de Missan)

“Eu já não sou o que era: devo ser o que me tornei.” (Coco Chanel)

“Eu poderia encontrar heresias na própria Prece Dominical ensinada por Cristo, se ela tivesse sido composta por um jesuíta. Assim: “Pai Nosso, que estais no Céu” - uma proposição que tende para a heresia, porque Deus está em toda parte. “Venha a nós o Vosso Reino, seja feita a Vossa vontade, assim na Terra como no Céu” - outra heresia, porque as Escrituras repetem que Deus já reina eterna e universalmente; além disso, é temerário pedir que seja feita a Sua Vontade, desde que nada é ou pode ser feito sem a vontade de Deus. “Perdoai as nossas ofensas como perdoamos aos que nos têm ofendido” - proposição também temerária, pois dá o homem como exemplo a Deus. Além disso, nenhum convento jamais perdoou a seus lavradores um só centavo. “Não nos deixeis cair em tentação” - uma proposição escandalosa e manifestamente herética, pois não há tentador senão o demônio. Vêem, portanto, que não há nada, por mais respeitável que seja, que não se possa torcer para o pior.” (Voltaire, Dicionário Filosófico)

“Eu só atuo conforme as instruções de Deus.” (Idi Amin Dada)

“Do fato nasce o direito.”

“Examinar com o cuidado de quem desembaraça fios de seda”. (provérbio chinês)

“Existem verdades que a gente só pode dizer depois de ter conquistado o direito de dizê-las.” (Jean Rostand)

“Experiência é o nome que nós damos aos nossos próprios erros.” (Oscar Wilde)

“Faça mais do que existir – viva. Faça mais do que tocar – sinta. Faça mais do que olhar – observe. Faça mais do que ler – absorva. Faça mais do que escutar – ouça. Faça mais do que ouvir – compreenda.” (John H. Rhoades)

“Fácil é sempre ver as faltas alheias, difícil é ver as próprias. Espalhamos as faltas alheias como a palha do trigo ao vento, mas as nossas, ao contrário, as dissimulamos, como, no jogo, um astuto trapaceiro dissimula sua fraude.” (Buda)

“Fala pouco e bem e ter-te-ão por alguém”.

“Fala quanto estás zangado e terás pronunciado o melhor dos discursos que lamentarás.” (Ambrose Bierce)

“Falando do diabo, aparece o rabo”.

“Falar no mau, preparar o pau”.

“ Falemos sempre de qualquer pessoa como se ela estivesse presente.” (Chiara Lubich)

“Falso amor, umas vezes dá alegria, outras, dor.”

“Falso numa coisa, falso em tudo.” (máxima jurídica)

“Falta de ocupação não é repouso: a mente ociosa é uma mente exausta.” (William Cowper)

“Farinha pouca, meu pirão primeiro”.

“Faze o bem, não olhes a quem”.

“Fazei amigos dispostos a vos censurar.” (Boileau, Arte Poética)

“Fazer cortesia com o chapéu alheio”.

“Fazer de um arqueiro um cavaleiro”.

“Fazer uma lei e não fazê-la cumprir é autorizar a coisa que se quer proibir.” Richelieu”

“Feliz aquele a quem as desgraças alheias tornam acautelado”.

“Fiança e confiança têm arruinado muita gente.”

“Ficaríamos envergonhados de nossas melhores ações se o mundo soubesse quais os motivos atrás delas.” (La Rochefoucauld)

“Filho és, pai serás, assim como fizeres, assim acharás.”

“Flechas de ódio têm sido arremessadas contra mim. Mas nunca me atingiram, porque de alguma forma elas pertencem a outro mundo com o qual não tenho relação alguma.” (Albert Einstein)

“Flutuo como uma borboleta e dou ferroadas como uma abelha.” (Muhammad Ali)

“Foi a oração que inspirou à Madre Teresa um texto significativo, que se encontra afixado numa parede do lar das crianças Shishu Bavan, em Calcutá: “As pessoas são desarrazoadas, ilógicas e egocêntricas. Apesar de tudo, ama-as. Se praticas o bem, as pessoas te atribuem motivos egoístas e calculistas. Apesar de tudo, praticas o bem. Se tiveres êxito, ganharás falsos amigos e verdadeiros inimigos. Apesar de tudo, procura ter êxito. O bem que hoje praticas, amanhã será esquecido. Apesar de tudo, pratica o bem. A honestidade e a franqueza tornam-te vulnerável. Apesar de tudo, sê honesto e franco. O que levaste anos para construir, pode ser destruído de um dia para o outro. Apesar de tudo, constrói. Os pobres têm realmente necessidade de socorro, mas alguns poderão atacar-te, se tu os ajudares. Apesar de tudo, ajuda-os. Se dás ao mundo o melhor de ti, corre o risco de deixar no mundo algumas penas. Apesar de tudo, dá o que tens de melhor.” Estas palavras dão testemunho vivo de amor puro e livre de interesses pessoais.” (Gibran)

“Foi buscar lã e voltou tosquiado”.

“Fora das matemáticas puras, nunca se deve pronunciar a palavra impossível.” (Arago)

“Fracassar não é cair, é recusar-se a levantar”. (provérbio chinês)

“Fraqueza e crueldade são coisas que andam sempre juntas.” (Diogo do Couto)

“Frutos e amores, os primeiros são os melhores”.

“Ganhar não é tudo. Mas querer ganhar é.” (Vince Lombardi)

“Ganhe sem blasonar, perca sem se desculpar.” (Albert Payson Terhune)

“Gato escaldado de água fria tem medo”.

“Gato miador, ruim caçador”.

“Gente demais dá valor de mais ao que não é, e de menos ao que é.” (Malcolm S. Forbes)

“George Bernard Shaw pediu o apoio da mulher à sua opinião de ser o julgamento masculino superior ao feminino. “Está certo, querido, disse a Sra. Shaw. Afinal de contas, você me escolheu e eu escolhi você.”

“Grande gabador, pequeno fazedor”.

“Guarda teu sabre na sua bainha enquanto puderes defender-te com palavras.”

“Guardar ressentimento é como tomar veneno e esperar que a outra pessoa morra.” (Malachy McCourt)

“Há amizades que quando se perdem são como um vício que se larga; ganha-se com a perda.”

“Há dois legados duráveis que podemos transmitir a nossos filhos: um, são raízes e o outro são asas.” (Hodding Carter)

“Há dois objetivos a visar na vida: primeiro, conseguir o que se deseja; depois, gozá-lo. Só os mais sábios alcançam o segundo. (Logan Pearsal Smith)

“Há gente que fala enquanto dorme; e há gente que fala enquanto os outros dormem.” (Vão Gogo)

“Há homens que lutam um dia e são bons, há outros que lutam um ano e são melhores, há os que lutam muitos anos e são muito bons, mas há os que lutam toda a vida e estes são imprescindíveis.” (Bertold Brecht)

“Há homens que vêem as coisas como são e perguntam: “Por quê?” Sonho com coisas que jamais existiram e pergunto: “Por que não?” (John Kennedy)

“Há mais pessoas desgraçadas pela falta do supérfluo do que pela falta do necessário.” (Pelet de la Lorèze)

“Há males que vêm por bem.”

“Há momentos em que fica tudo tranqüilo demais, especialmente tarde da noite ou pela manhã cedinho. É aí que se sabe que falta algo na sua vida. Você fica sabendo, só isso.” (Frank Sinatra)

“Há pessoas desagradáveis apesar das suas qualidades e outras encantadoras apesar dos seus defeitos.” (La Rochefoucauld)

“Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinhos, outras há que sorrirem por saberem que os espinhos têm rosas.”

“Há pessoas que choram porque as rosas têm espinhos; outras que se regozijam porque os espinhos têm rosas.” (Confúcio)

“Há pessoas que se apegam à sua opinião não porque seja verdadeira, mas por que é sua.” (Santo Agostinho)

“Há quatro espécie de homens: o que não sabe e não sabe que não sabe: é tolo – evite-o; o que não sabe e sabe que não sabe: é simples – ensine-o; o que sabe e não sabe que sabe: está dormindo – acorde-o; o que sabe e sabe que sabe: é sábio – siga-o.” (R. Burton)

“Há quem esteja sempre se queixando porque as rosas têm espinhos. Eu me sinto grato porque os espinhos têm rosas.” (Karr)

“Há quem passe pelo bosque e só veja lenha na fogueira.” (Tolstoi)

“Há quem se faça de rico não tendo coisa alguma; e quem se faça pobre tendo grande riqueza.” (Provérbio de Salomão)

“Há tempo de calar e tempo de falar”. (Eclesiastes)

“Há três coisas na vida que nunca voltam atrás: a flecha lançada, a palavra pronunciada e a oportunidade perdida.” (provérbio chinês)

“Há uma idade em que se prefere adormecer com um jornal entre as mãos a dormir com uma mulher entre os braços.” (Pitigrilli)

“Hastes de trigo, cheias de grãos, aprendem a curvar a cabeça”. (provérbio chinês)

“Haverá justiça no mundo somente quando aqueles que não forem injustiçados se sentirem tão indignados quanto aqueles que o forem.” (Sólon)

“Hoje sou eu, amanhã serás tu”.

“Hoje, ter ou não ter dinheiro é ser ou não ser. Eis o problema.” (Campoamor)

“Homem de sete ofícios, em todos é remendão”.

“Homem honrado, antes morto que injuriado”.

“Ignorante: uma pessoa que não conhece o que conhecemos, embora conheça muitas outras coisas que não conhecemos.”

“Ignorantia legis nominem excusat, isto é: a ninguém é permitido ignorar a lei. Basta decorar das duas a três mil páginas de texto cerrado.” (Henry Bordeaux)

“Imaginação é mais importante que conhecimento.” Albert Einstein.

“Inegável a existência de um vínculo afetivo e sexual, que perdurou, de forma intermitente, ao longo de quase oito anos. Amor intenso, dramático, muitas vezes exasperado, transtornado e até desesperado. Se o amor era assim sentido por ambos, não se sabe. Não há uma linha escrita pela autora/apelada a expressar tanta paixão. Mas o apelante, que é homem extrovertido, passional, externou, por mil modos, o que sentia e o quanto sentia. Não há como percorrer as mais de mil lauda deste processo se sete volumes, sem deixar-se tocar por essa paixão. Não sei por que, mas examinei os restos mortais desse amor com a sensação que guardei de uma versão filmada de Shakespeare, in Ricardo V. Depois da batalha travada pelo domínio da França, o monarca vencedor percorre a pé o campo da luta. O prado transformou-se num lodaçal, a chuva cai sem cessar. No solo, bandeiras, restos fumegantes de carros de combate, cavalos mortos, estandartes estraçalhados, feridos que clamam por atendimento e milhares de mortos. Dentre estes, nobres, amigos, parentes, servos, rapazes ainda imberbes que lutaram por um ideal para eles inatingível. O rei toma nos braços o corpo de seu melhor amigo e com ele completa a caminhada. Não há diálogos e o rei sequer monologa. Mas creio que, ao longo do percurso, uma pergunta o monarca não cessou de fazer a si mesmo: valeu a pena? Os personagens deste drama judiciário aí estão, felizmente, vivos e em condições de re-amar. E certamente se perguntam, diante da exposição quase pública das vísceras desse amor, se valeu a pena. Digo que melhor seria que tudo terminasse com a grandeza do imortal Agustin Lara. Na mansão que ergueu para ser o templo da consagração de seu amor pela belíssima Maria Félix, percebeu um dia, ao café da manhã, um rictus de desprezo no rosto amado. Levantou, subiu as escadarias de mármore, foi ao banheiro, colocou a escova de dentes no bolso e nunca mais voltou”. (Voto do Des. Eliseu Gomes Torres, na Apel. Cív. 598.051.357; in COAD ADV, Informativo, boletim semanal nº 36, 1998)

“Inimigo dividido, inimigo vencido”.

"Insisto em que não há, no direito, o verdadeiro, mas apenas o aceitável (justificável)." "Eros Roberto Grau"

“Inveja é conseqüência da incapacidade.”

“Já percebeste como são pequeninos os grãos de areia? Contudo, postos num navio, fazem-no afundar. (Santo Agostinho)

“Jamais lutes com quem nada tem para perder. O conflito seria desigual.” (Baltasar Gracian)

“Jornada empreendida, meio concluída.”

“Juízo apressado, arrependimento dobrado”.

“Juízo precipitado, quase sempre errado”.

“Julgo-me muito mal quando me considero muito, bem quando me comparo.”(Cardeal Maury)

“Junto á panela que ferve não faltam amigos”.

"(...) Kelsen os satisfaz (aos os juristas, reclamando para si a qualidade de 'cientistas'), construindo, porém, não uma ciência do direito, porém a ciência das normas jurídicas." (Eros Roberto Grau)

“Ladrão de tostão, ladrão de milhão”.

“Ladrão endinheirado nunca morre enforcado”.

“Lamentar aquilo que não temos é desperdiçar aquilo que já possuímos”. (provérbio chinês)

“Lançando-se plumas aos ventos, jamais se recolherá todas.”

“Lé com lé e cré com cré, cada um com os de sua ralé.”

“Legem non habet necessitas. A necessidade não conhece a lei.” (Santo Agostinho)

“Lembre-se de cavar o poço bem antes de sentir sede”. (provérbio chinês)

“Levante todos aqueles que estiverem caídos em seu redor. Você não sabe onde seus pés tropeçarão. (André Luís)

“Liberdade: uma das possessões mais preciosas da imaginação.”

“Língua afiada corta os laços entre os homens.”

“Língua comprida, sinal de mão curta”.

“Livros não mudam o mundo, quem muda o mundo são as pessoas. Os livros só mudam as pessoas.” (Caio Graco)

“Lobo não como lobo”.

“Longe da vista, longe do coração”.

“Lunariano: habitante da lua em oposição a lunático no qual a lua habita.”

“Má chaga sara, má fama mata”.

“Macaco velho não mete a mão em cumbuca”.

“Magistrados e causídicos estão todos os dias juntos no Palácio, nas ruas e nos salões. Raramente surgem choques; freqüentemente, porém, brotam queixumes.” (Edgar de Moura Bittencourt – In O Juiz, in Revista Consulex, ano II, nº 13, janeiro 1998, p. 16)

“Mais afronta mesura de adulador que bofetada de inimigo.” (Pe. Antônio Vieira)

“Mais ensina a necessidade que dez anos de universidade”.

“Mais próximos estão os dentes que os parentes”.

“Mais que as idéias, são os interesses que separam as pessoas.” (Alexis de Tocqueville)

“Mais se arrepende quem fala do que quem cala”.

“Mais sofrível é inimigo prudente que amigo impertinente.”

“Mais vale a prática que a gramática”.

“Mais vale amigo na praça que dinheiro na caixa”.

“Mais vale amigo perto que parente longe”.

“Mais vale astúcia que força”.

“Mais vale cão vivo que leão morto”.

“Mais vale cautela que arrependimento”.

“Mais vale descoser que romper”.

“Mais vale dobrar que quebrar”.

“Mais vale experiência que ciência”.

“Mais vale o exemplo que a doutrina”.

“Mais vale perder-se o homem que o nome”.

“Mais vale saber que haver”.

“Mais vale tico-tico no prato que jacu no mato.”

“Mais vale um “toma” que dois “te darei”.

“Mais vale um pássaro na mão que dois voando.”

“Mais vale um vizinho à mão que ao longe nosso irmão”.

“Mais vale uma esperança tarde que um desengano cedo”.

“Mais valem tretas que letras”.

“Mal de amor não tem cura”.

“Mal de muitos consolo é”.

“Mal pensa quem não repensa”.

“Mal que se ignora, coração que não chora”.

“Manitu, ajudai-me a nunca julgar o próximo antes de ter andado sete léguas nas suas sandálias.” (Oração dos Índios Sioux)

“Maravilhas nunca faltaram ao mundo; o que sempre falta é a capacidade de senti-las e admirá-las. (J. Schmidt)

“Maravilhas nunca faltaram ao mundo; o que sempre falta é a capacidade de senti-las e admirá-las. (J. Schmidt)

“Marido velho e mulher nova, ou corno ou cova”.

“Mas se ela voltar, se ela voltar/ Que coisa linda, que coisa louca/ Pois há menos peixinhos a nadar no mar/ Do que os beijinhos/ Que darei na sua boca.” (Tom e Vinícius)

“Mateus, primeiro os teus”.

“Mausoléu: a última e mais ridícula loucura dos ricos.”

“Médico, confessor e advogado, não mantenhas enganado”.

“Melhor acender uma pequenina vela do que resmungar no meio da escuridão”

“Melhor aprender bem uma única coisa do que dez superficialmente”. (provérbio chinês)

“Melhor ser muito cético do que muito crédulo”. (provérbio chinês)

“Mentir e comer pescado pedem cuidado”.

“Mentir não é apenas dizer o que não é. É, também, e sobretudo, dizer mais do que é e mais do que sente. É o que fazemos todos os dias para simplificar a vida.” (Albert Camus)

“Mesmo as montanhas mais altas sabem quanto estão distantes das estrelas.” (Paul Eldridge)

“Mesmo sendo casto como gelo e puro como a neve, ninguém está livre da calúnia.” (Shakespeare)

“Mestre não é quem sempre ensina, mas quem de repente aprende.” (Graciliano Ramos)

“Metade da obra tem feito quem começa bem e com jeito.”

“Meu amigo é aquele que me socorre, não o que tem pena de mim.” (Thomas Fuller)

“Meu marido está mudando de religião. Não mais acredita que ele é Deus.”

“Meus Deus, protegei-me dos meus amigos, dos meus inimigos eu me encarregarei.” (Voltaire)

“Minha alma é feita de luz e trevas; nada de brumas. Ou faz bom tempo ou há temporal; as temperaturas variáveis são de pouca duração.” (Victoria Ocampo)

“Miserável coisa é pensar ser mestre sem nunca antes ser discípulo.” (Rojas)

“Mocidade ociosa, velhice penosa”.

“Morre o cavalo a bem do urubu”.

“Morte desejada, vida dobrada”.

“Morto mantém-se ereto, ele que viveu sempre de bruços.” (Victor Hugo sobre Dupin, cuja estátua acabava de ser erguida)

“Mostra-me um homem completamente satisfeito e eu lhe mostro um fracasso.” (Thomas Edison)

“Mudam os tempos, mudam os pensamentos”.

“Muita luz é como muita sombra: não deixa ver.” (Carlos Catañeda)

“Muita mão é beijada que se quisera ver cortada”.

“Muita trovoada é sinal de pouca chuva”.

“Muitas pessoas falam de seus altos ideais. O que realmente querem é que os outros os pratiquem.” (J. M. Flapan)

“Muitas vezes não temos tempo para dedicar aos amigos, mas para os inimigos temos todo o tempo do mundo. ” Leon Uris

“Muitas vezes o que se cala faz maior impacto do que o que se diz.” (Píndaro)

“Muitas vezes se diz melhor calando do que falando em demasia.” (Pindaro)

“Muito falar é pouco acertar”.

“Muito prometer é uma maneira de enganar”.

“Muito riso é sinal de pouco siso”.

“Muitos daqueles que não querem ser oprimidos querem ser opressores. (Napoleão Bonaparte)

“Muitos daqueles que não querem ser oprimidos querem ser opressores. (Napoleão Bonaparte)

“Muitos de nossos inimigos são o preço que pagamos pelo sucesso.” (Philip Moeller)

“Muitos são bons porque não sabem ser justos.” (A. Chauvilliers)

“Muitos são parentes da fortuna e não de pessoas.” (Pe. Antônio Vieira)

“Mulher e chita, cada um acha a sua bonita”.

“Mulher, arma e cavalo de andar, nada de emprestar”.

“Na boca do discreto, o público se torna secreto”.

“Na boca do mentiroso, o certo se faz duvidoso”.

“Na mitologia grega, Pandora foi a primeira mulher na terra. Zeus mandou Hefesto criá-la como vingança contra os homens.

“Na mocidade tudo são flores, na velhice, dores”.

“Na mocidade, aprendemos; na velhice, compreendemos.” (Marie Von Ebner-Eschenbach)

“Na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma!” (Lavoisier)

“Na sua marcha vitoriosa contra Roma, os cartaginnses cometeram o erro de deter-se e a vitória final de seus exercícios foi definitivamente prejudicada. Não vos detenhais jamais enquanto a vossa tarefa não estiver terminada.” (Ribonlet)

“Nada assenta tão bem na fronte de um vencedor como a coroa da modéstia.” (D. Cortés)

“Nada baixa mais o nível de uma conversação do que elevar a voz.”

“Nada de grande se cria de repente.” (Epiteto)

“Nada duvida quem nada sabe”.

“Nada é tão dificilmente perdoado quanto o talento.” (Denis Diderot)

“Nada é tão lamentável e nocivo como antecipar desgraças.” (Sêneca)

“Nada há mais escandalizante e comprometedor da ordem jurídica do que a variação, a incoerência e a contradição dos julgados. Toda a segurança desaparece onde os indivíduos ficam à mercê dos entendimentos pessoais: cada cabeça é uma sentença e a justiça um jogo lotérico.” (Tornaghi - Informativo COAD, boletim semanal nº 11, 1999)

“Nada melhor que um dia atrás do outro”.

“Nada seca mais depressa que as lágrimas”.

“Nada tem quem não se contenta com o que tem”.

“Não adianta aos cordeiros proclamarem o vegetarianismo enquanto o lobo mantém opinião diferente.” (William Ralph Inge)

“Não apontes as faltas alheias com o dedo sujo”.

“Não atrase seu progresso com medo de fracassar.” (Hover)

“Não basta arrependermo-nos do mal que fazemos. Devemos também arrependemo-nos do bem que deixamos de fazer.”

“Não basta que o profissional seja, do ponto de vista técnico, experiente e profundo conhecedor das leis se, paralelamente, não busca a sua valorização pessoal, através da postura ética adequada. A postura ética não se desenvolve, apenas, com palavras, exigindo, acima de tudo, o comportamento, prova maior da conduta exemplar do indivíduo. A maneira de se portar numa determinada profissão não deve ser vista, apenas, sob o prisma do compromisso que o indivíduo deve ter com a sociedade em que vive, mas também, e especialmente, à luz do compromisso que o homem deve ter consigo mesmo, pondo em prática, na vida, os princípios que ele próprio erigiu e que norteiam a sua consciência.” Jorge Franklin Alves Felipe

“Não sabe governar quem nunca soube obedecer”.

“Não cantes glória antes que chegue a vitória”.

“Não compense na ira o que lhe falta na razão”. (provérbio chinês)

“Não contabilize o que se perdeu, mas o que ficou”. (provérbio chinês)

“Não corra atrás das borboletas; plante uma flor em seu jardim e todas as borboletas virão até ela.” (D. Elhers)

“Não corrigir nossas faltas é o mesmo que cometer novos erros.” (Confúcio)

“Não deixes para amanhã o que puderes fazer hoje”.

“Não desprezo o passado. Ah, como eram grandes os que construíram as pirâmides, as voûtes imensas, as velhas catedrais.” (Oscar Niemeyer)

“Não diga tudo quanto sabes não faças tudo quanto podes não creias em tudo quanto ouves não gastes tudo quanto tens porque quem diz tudo quanto sabe quem faz tudo quanto pode quem crê em tudo quanto ouve quem gasta tudo quanto tem muitas vezes diz o que não convém faz o que não deve julga o que não vê gasta o que não pode” (provérbio árabe)

“Não é a mais fácil e cômoda palavra que existe. Se alguém diz não, os problemas acabaram. Os problemas realmente começam quando você diz sim.” (Victor Civita)

“Não é aos mortos, mas ao dinheiro perdido que o homem reserva suas lágrimas mais sinceras.” (provérbio latino)

“Não é desgraça ser cego: desgraça é ser incapaz de suportar a cegueira.” (John Milton)

“Não é louco quem corre atrás de uma esperança, porque a esperança é o fim de nossa própria vida.” (Menotti Del Picchia)

“Não é nenhum destino que nos condena, somos nós mesmos que nos deixamos condenar.” (Wilson Chagas)

“Não é o advogado que é importante para o direito, é o cidadão. Como não é o juiz que é importante para o direito, é a ordem social que precisa dele” (Calmon de Passos – I Congresso Brasileiro de Direito Processual e Juizados Especiais – 27 a 29 de agosto de 1997, in Revista Consulex, ano II, nº 13, janeiro 1998, p. 16)

“Não é o que possuímos, mas o que gozamos, que constitui nossa abundância.” (J. Petit-Senn)

“Não é o tamanho do cachorro numa briga que importa: importa o tamanho do espírito de briga do cachorro.”

“Não é tão importante ser sério. É importante ser sério nas coisas importantes.” (R.M.Hutchins)

“Não esqueçamos que Deus colocou os juízes no mundo para julgar as aparências. É somente Ele que julgará as intenções e os pensamentos escondidos.” (As Mil e Uma Noites)

“Não existe desgosto, por maior que seja, que o tempo não faça esquecer.” (Cícero)

“Não existe o esquecimento total: as pegadas impressas na alma são indestrutíveis.” (Thomas de Quincey)

“Não existe uma fórmula para o sucesso. Mas, para o fracasso, há uma infalível: tentar agradar a todo mundo.” (Herbert Bayard)

“Não existe verdadeira inteligência sem bondade.” (Ludwig van Beethoven)

“Não faça passos largos quem tem pernas curtas”.

“Não faças a outro o que não queres que te façam”.

“Não festejes a partida de alguém antes de saber quem o substituirá.”

“Não fique em campo aberto quando o inimigo está oculto.” provérbio chinês

“Não fui chamado a dar das mãos a Hitler, mas também nunca me convidaram para cumprimentar o presidente americano na Casa Branca.” (Jesse Owens)

“Não há alegria sem dor”.

“Não há bem que sempre dure, nem mal que nunca acabe”.

“Não há coisa escondida que não venha a ser sabida”.

“Não há ganhador sem perdedor”.

“Não há luar como o de janeiro, nem amor como o primeiro”.

“Não há médico para o medo.” (Provérbio Escocês)

“Não há melhor mestra que a necessidade e a pobreza.”

“Não há melhor parente que amigo fiel e prudente”.

“Não há modo de mandar mais forte e suave que o exemplo: persuade sem retórica, impele sem violência, convence sem retórica, impele sem violência, comente todas as dúvidas desata e corta caladamente todas as desculpas. Pelo contrário, fazer uma coisa e mandar ou aconselhar outra é querer endireitar a sombra da vara torcida.”

“Não há nada como um sonho para criar o futuro.” (Victor Hugo)

“Não há nada de mau ou de bem, se o pensamento não o torna tal.” (Shackespeare)

“Não há nenhuma realização tão fácil de alcançar como a polidez, e nenhuma mais lucrativa.” (George Bernard Shaw)

“Não há pior surdo do que aquele que não quer ouvir”.

“Não há sábio nem douto que de louco não tenha um pouco”.

“Não há bem que sempre dure, nem mal que sempre ature”.

“Não importa com quem te casares; na manhã seguinte, constatarás que te casastes com uma pessoa bem diferente.” (Samuel Rogers)

“Não importa o tamanho da montanha, ela não pode tapar o sol”. (provérbio chinês)

“Não importa quão necessária ou justificável seja uma guerra, ela será sempre um crime.” (Ernest Hemingway)

“Não invente uma regra para depois ter problemas com ela”.

“Não julgue uma pessoa até que a tampa do seu caixão esteja fechada”. (provérbio chinês)

“Não louves o homem enquanto vive”.

“Não mate a mosca que pousa na cabeça do tigre.”

“Não me cabe psicanalisar os eminentes representantes da nação.” E, citando D’Argentré: “Não julgo a lei, julgo segundo a lei.” Logo mais: “Quem se queixar da justiça da lei, que vá às urnas e substitua os deputados e senadores. Nosso papel não é fazer leis, mas justiça segundo as leis constitucionais.” (Aliomar Baleeiro, in Justiça Formal, Justiça Substancial; TJSP, Ap. Cív. 48.745-4/5, in COAD ADV, Informativo, boletim semanal nº 18, 1998)

"Não merece o privilégio de viver o seu tempo quem não é capaz de ousar." (Eros Roberto Grau)

“Não me sinto obrigado a acreditar que o mesmo Deus que nos dotou de razão e inteligência queira que nós nos esqueçamos de seu uso.” (Galileu Galilei)

“Não perturbe o céu e a terra”. (provérbio chinês)

“Não pode faltar o pecado num caudal de palavras”. (Bíblia)

“Não podes viver a três: teu marido, teu sonho e tu mesma. Se queres seriamente casar, divorcia-te de teu sonho. Se não puderes construir um palacete, poderás construir, ao menos, uma choupana: não te sentirás bem, porém, em tua choupana, enquanto sonhares com o palacete.” Epístola dos mau-casados (Michel Quaist)

“Não ponhas todos os ovos no mesmo cesto”.

“Não poucas vezes esbarramos com o nosso destino pelo caminhos que escolhemos para fugir dele.” (La Fontaine)

“Não poupa a morte nem o fraco nem o forte”.

“Não pule um buraco para depois cair num poço”. (provérbio chinês)

“Não puxe as plantas novas para fazê-las crescer mais rápido”. (provérbio chinês)

“Não quero ser um homem comum. É meu direito visar a mais - se puder. Procuro a oportunidade, não a segurança. Não desejo ter o Estado velando por mim. Quero tomar o risco calculado, sonhar e construir, fracassar e vencer. Prefiro os desafios da vida a uma existência garantida. Não negociarei a liberdade pela beneficência. Nunca me agacharei diante de qualquer senhor, nem me curvarei ante qualquer ameaça. Minha herança é manter-me ereto e destemido, pensar e agir por mim mesmo, gozar o benefício de minhas criações e encarar o mundo audazmente. Tudo isso é o que significa ser um norte-americano.” (Dean Alfange, Meu Credo)

“Não reclame do barulho quando a sorte lhe bater a porta.” (Farmer’s Digest)

“Não revele aos amigos os seus segredos porque você não sabe se algum se tornará seu inimigo. Não cause a seu inimigo todo o mal que lhes possas fazer; porque você não sabe se ele se tornará um dia seu amigo. ” William Blake

“Não rezeis por uma vida fácil. Rezai por serdes homens mais fortes. Não rezeis por tarefas iguais às vossas forças. Rezai por forças iguais às vossas tarefas. Então, o produto do vosso trabalho não será um milagre, mas vós sereis um milagre. E cada dia, ficarei deslumbrados com vós mesmos e com a riqueza de vida que vos veio pela graça de Deus.” (Philip Brooks)

“Não sabe o que é doce quem nunca experimentou o amargo”.

“Não sabemos o que fazer com esta curta vida e desejamos outra que seja eterna.” (Anatole France)

“Não se atiram pedras senão às árvores que têm fruto”.

“Não se bebe sem ver, nem se ensina sem ler”.

“Não se confunda economia com a avareza: a primeira é virtude sábia, a segunda é miséria sórdida.” (Coelho Neto)

“Não se deve deixar o certo pelo duvidoso.”

“Não se deve pôr o carro na frente dos bois”.

“Não se pode ensinar alguma coisa a alguém, pode-se apenas auxiliar a descobrir por si mesmo.” (Galileu)

“Não se triunfa sem mérito e não se permanece inédito com ele. A sorte, a fortuna, são palavras inventadas pelos medíocres para negar o bem êxito dos grandes.” (Vargas Vila)

“Não sei como pareço para o mundo, mas para mim eu pareço ter sido apenas um menino brincando a beira-mar, me divertindo enquanto encontrava aqui e ali um seixo mais liso ou uma concha mais bonita que as outras, enquanto o grande oceano da verdade estendia-se totalmente desconhecido diante de mim.” (Isaac Newton)

“Não seja como uma panela de barro tentando soar como um trovão”. (provérbio chinês)

“Não seja por fora feroz como um touro e por dentro medroso como um rato”. (provérbio chinês)

“Não será mais legítima a união de dois amantes que se amam que a de dois casados que não se amam?” (Georges Feydeau)

“Não serás amado se de ti só tens cuidado”.

“Não te darás conta de quanto o mês é curto até que comeces a pagar pensão alimentícia.” (John Barrymore)

“Não tenhas medo de dar um grande salto quando aconselhável. Não podes pular um abismo em dois pequenos saltos.” (David Lloyd George)

“Não tenho nada a oferecer a não ser sangue, suor e lágrimas.” (Winston Churchill)

“Não tente tirar a lua do fundo do mar”. (provérbio chinês)

“Não tome a vida muito a sério: nunca vai sair dela vivo.”

“Não vemos as coisas como elas são, mas como nós somos.”

“Nas asas do tempo, a tristeza voa.” (Jean de La Fontaine)

“Nem ausente sem culpa, nem presente sem desculpa”.

“Nem mãe, nem pai, nem outro parente pode fazer tanto bem quanto uma mente bem dirigida.” (Buda)

“Nem sempre o ciúme é uma prova de amor: pode-se amar sem ter ciúme e pode-se ter ciúme sem amar.” (Walther Waeny)

“Nem sempre podemos construir o futuro para nossa juventude, mas podemos construir nossa juventude para o futuro.” (Franklin Roosevelt)

“Nem toda mulher casada é esposa.” (Provérbio japonês)

“Nem toda pergunta merece resposta”.

“Nem todos podem tirar um curso superior. Mas todos podem ter respeito, alta escada de valores e as qualidades de espírito que são a verdadeira riqueza de qualquer pessoa.” (Montapert)

“Nem tudo que cai na rede é peixe”.

“Nem tudo que reluz é ouro, nem tudo que balança cai”.

“Nem um dedo faz a mão, nem uma andorinha faz verão.”

“Nenhum grande magistrado que a história registra foi um malfeitor das leis e um benfeitor dos homens, porque os grandes magistrados sabem que a forma menos nobre de julgar é a que abandona o corretivo da lei e alforria o libertino das palavras.” (J. J. Calmon de Passos – in COAD, Informativo, boletim semanal nº 33, 1999)

“Nenhum vento sopra a favor de quem não sabe para onde ir.” (Sêneca)

“Nenhuma cama é bastante larga para acomodar três.” (provérbio alemão)

“Neste dia, eles perderam completamente de vista a Terra. Acreditando não revê-la por longo tempo, muitos choravam e suspiravam. Foram reconfortados com a promessa de muitas terras e riqueza.” (Cristóvão Colombo)

“Neste mundo, nada é mais maleável e frágil quanto a água. Contudo, ninguém, por mais poderoso que seja, resiste à sua ação (corrosão, desgaste, choque de ondas), ou pode viver sem ela. Não é bastante claro que a flexibilidade é mais eficaz que a rigidez? Poucos agem de acordo com essa convicção.” (Lao Tse)

“Ninguém confessa suas culpas se não espera que sejam perdoadas.” (J. Benavente)

“Ninguém conhece o preço de um amor da mulher até que inicie uma ação de divórcio.” (Oliver Herfore)

“Ninguém diga: ‘desta água não beberei’”.

“Ninguém é profeta em sua terra”.

“Ninguém está bem com a vida que tem”.

“Ninguém foge a sua própria sorte”.

“Ninguém sabe ser filho senão quando chega a ser pai.”

“No caráter, na conduta, no estilo, em todas as coisas, a simplicidade é a suprema virtude.” (Longfellow)

“No conflituado universo das relações homem-mulher, o macho é, na quase totalidade das vezes, dependente da mulher, e esta tem pleno senso de sua natural superioridade. Superioridade que, diga-se de passagem, não fica apenas nos planos afetivo e sexual, mas amplia-se na incomparável condição de igualdade com o homem em todas as profissões e atividades.” (Voto do Des. Eliseu Gomes Torres, do TJRS, na Apel. Cív. 598.051.357, in COAD ADV, Informativo, boletim semanal nº 41, 1998)

“No dia do Julgamento, a pluma do sábio pesará mais que a espada do guerreiro.” (Provérbio indiano)

“No dia em que a fome for erradicada da Terra, haverá uma grande explosão espiritual como o mundo nunca viu.” (Frederico Garcia Lorca)

“No fim tudo dá certo, se não deu certo é porque ainda não chegou ao fim.” (Fernando Sabino)

“No invejoso, dói mais o êxito dos outros do que seu próprio fracasso.” (Petit-Jean)

“No meio é que está a virtude”.

“No momento em que o Judiciário se tornar enfraquecido e desestruturado ao ponto de influenciar indiretamente no espírito d seus jurisdicionados à renúncia do direito, resultando na dificuldade de acesso aos tribunais por múltiplos fatores de ordem interna e externa, estará, antes de mais nada, renunciando a si mesmo, à estabilização do Estado de Direito e à paz social.” (Do Juiz catarinense Joel Dias Figueira Júnior, em artigo publicado na JC 68/31 sob o título “O Acesso ao Poder Judiciário”, Informativo COAD, boletim semanal nº 16, 1999)

“No mundo dos negócios todos são pagos com duas moedas: dinheiro e experiência. Agarre a experiência primeiro, o dinheiro virá depois.” (Harold Geneen)

“No mundo não tem boa sorte senão quem teve por boa a que tem.” (Camões)

“No terreno da observação, a sorte favorece somente as mentes bem preparadas.” (Louis Pasteur)

“Nos ciúmes existe mais amor-próprio do que verdadeiro amor.” (La Rochefoucauld)

“Nos Estados Unidos, há 40 milhões de leis para impor os 10 mandamentos.”

“ “Nos olhos do jovem arde a chama. Nos do velho brilha a luz. (Victor Hugo)

“Nossa maior glória não está em nunca cair, mas em nos levantarmos a cada vez que caímos.” (Oliver Goldsmith)

“Nossas necessidades reais são poucas, mas nossas necessidades imaginárias são incontáveis.” (John Casper Lavater)

“Nosso coração tem a idade daquilo que ama.” (Marcel Prévost)

“Num caso em cem, um assunto é muito discutido porque é obscuro; nos outros 99 dos casos, o assunto torna-se obscuro porque excessivamente discutido.” (E. A. Põe)

“Numa só semente de trigo há mais vida do que num montão de feno.
(Kahlil Gibran)

“Nunca avalie a altura de uma montanha até que atinja o cume. Verá então como era baixa.” (Dag Hammarkjold)

“Nunca chegaras a convencer um rato de que um gato traz boa sorte.” (Granham Greene)

“Nunca devemos envergonharmo-nos das nossas próprias lágrimas.” (Charles Dickens)

“Nunca deves esquecer tua mãe. Pois carregou-te muito tempo sob seu peito como um fardo pesado, e depois que teus meses se completaram, deu-te nascimento. E então, durante três longos anos, carregou-te nos seus braços e deu-te seu seio para mamar. Alimentou-te e não se ofendeu com tuas sujeiras. E quando já tinhas idade para ir à escola, acompanhou-te e levou pão e queijo para ti.” (Papiro faraônico, ensinando a viver aos pequenos, citado por Will Durant em A História da Civilização)

“Nunca diga às pessoas como fazer as coisas. Diga-lhes o que deve ser feito e elas surpreenderão você com sua engenhosidade.” (George Patton)

“Nunca dirigi a Deus senão uma oração, uma oração muito curta: “Senhor, torna meus inimigos ridículos.” E Deus me atendeu.” (Voltaire)

“Nunca é tarde para aprender”.

“Nunca existiu pessoa alguma que vivesse cem anos e fosse notável por qualquer outro motivo.” (Josh Billings)

“Nunca faça nada sem consultar a almofada”.

“Nunca faças aposta. Se sabes que vais ganhar és um patife, e se não sabes és um tonto.” (Confúcio)

"Nunca faças o que te desagrada ver fazer a outros." (Tales de Mileto)

“Nunca falta um chinelo velho para um pé manco”.

“Nunca me arrependi do que não disse.” (D. Francisco Manuel de Melo)

“Nunca na minha vida aprendi seja o que for daqueles que sempre concordaram comigo.” (Dudley Field Malone)

“Nunca perca a fé na humanidade, pois ela é como o oceano. Só porque existem algumas gotas de água suja nele, não quer dizer que ele esteja sujo por completo.” (Ghandi)

“Nunca se viu cigano tirar sorte de cigano.”
“O advogado não é somente por força do preceito constitucional indispensável à distribuição da Justiça. Ao advogado cabe o equacionamento do problema jurídico que lhe apresente o cliente. O desempenho de sua missão cabe subsumir o fato ao texto legal, se a sentença judicial diz o direito, ela o faz sem dúvida alguma calcada nas proposições formuladas pelo advogado. O advogado não é apenas e tão-somente o defensor da liberdade pública e aquele a quem cabe a difícil tarefa de se opor aos demandos do poder. O advogado é, ao lado do Juiz, o criador do Direito, propondo soluções, formulando pedidos e levantando teses muitas vezes ousadas. O advogado, sem sombra de dúvidas, contribui para a solução de problemas sociais e para a melhoria da própria coletividade. É sabido e conhecido o princípio de que o Juiz não pode agir de ofício. Por esta razão é que a missão do advogado, pleiteando o direito, assume importância extraordinária perante a coletividade. Indiscutivelmente, o advogado é a peça-chave na estrutura, no sistema de distribuição da Justiça.” (Do Des. José Alberto Weiss de Andrade, do TJSP; in COAD ADV, Informativo, boletim semanal nº 37, 1998)

“O amigo certo se conhece nas horas incertas”.

“O amor da mãe de Judas por seu filho não era menor que o de Maria por Jesus?” (Gibran Khalil Gibran)

“O amor é a asa veloz que Deus deu à alma para que ela voe até o céu.” (Michelangelo)

“O Amor e a Loucura brigaram um dia, e a Loucura vazou os olhos do Amor, tornando-o cego. Vênus, mãe do Amor, pediu Justiça a Júpiter e aos juízes de Olimpo. E estes sentenciaram que a Loucura servisse daí por diante de guia do Amor.” (De uma fábula de La Fontaine)

“O amor é na mocidade o que a mocidade é na vida, o que a vida é na eternidade. Isto é, um relâmpago.”

“O amor é o único desporto que não se suspende por falta de luz.”

“O amor é um som que reclama um eco.” (Júlio Dantas)

“O amor é um, não pode ser partido.” (Camões)

“O amor faz passar o tempo e o tempo faz passar o amor.” (Adágio popular)

“O amor grava sua tatuagem na carteira de todo amante.” (Mildred Meiers e Jack Knapp, Um Tesouro de Humor)

“O amor novo vai e vem, mas o velho se mantém”.

“O amor pede, a amizade dá.” (Carmen Sylva)

“O amor por uma pessoa deve incluir os corvos de seu telhado”. (provérbio chinês)

“O anão dispõe de um excelente meio de parecer com os gigantes: empoleirar-se nos ombros de um deles.” (Victor Hugo)

“O anão não passa a ser alto pelo simples fato de estar numa montanha, ao passo que o colosso conserva a sua altura, embora se encontra num poço. (Sêneca)

“O aprendizado é como o horizonte: não há limites”. (provérbio chinês)

“O argumento mais poderoso de todos é o silêncio inteligente.”

“O avarento não é dono, mas escravo da riqueza”.

“O barato sai caro”.

“O bem só é conhecido depois que é perdido”.

“O bom cão não ladra em falso.”

“O bom estrategista traz um exército dentro da cabeça”. (provérbio chinês)

“O bom fruto vem de boa semente”.

“O bom humor espalha mais felicidade que todas as riquezas do mundo. Vem do hábito de olhar para as coisas com esperança e de esperar o melhor e não o pior.” (Montapert)

“O bom humor espalha mais felicidade que todas as riquezas do mundo. Vem do hábito de olhar para as coisas com esperança e de esperar o melhor e não o pior.” (Montapert)

“O bom nadador é que se afoga”.

“O bom pastor deve tosquiar, mas não esfolar as suas ovelhas”.

“O bondoso Deus colocou limites à sabedoria do homem, mas não à sua estupidez - e isto não é justo.” (Konrad Adenauer)

“O caminho do sucesso está cheio de mulheres empurrando seus maridos para frente.” (T. R. Dewar)

“O cão não ladra por valentia e sim por medo.” (provérbio chinês)

“O caranguejo diz ao filho: “Por que andas desse jeito tortuoso, meu filho? Deve andar bem reto.” Replicou o jovem caranguejo: “Se me mostras como fazer, pai, terei prazer em imitá-lo.”

“O casamento é o berço ou túmulo da felicidade.” (Nabuco de Araújo)

“O céu permite o sono aos malvados para que os bons tenham momentos de paz.” (Bret Harte)

“O cinema é uma invenção sem futuro.” (Louis Lumière)

“O ciúme depende mais da vaidade que do amor.”

“O ciúme é uma das manifestações de avareza imoral.” (Francisco de Bastos Cordeiro)

“O ciúme vê com lentes, que fazem grandes as coisas pequenas, gigantes os anões, verdades as suspeitas.” (Camilo C. Branco)

“O ciumento é um mártir que martiriza.” (Condessa Diane)

“O comércio mais lucrativo seria comprar as pessoas pelo que valem, e revendê-las pelo que pensam que valem.” (Cardeal de Talleyrand)

“O contentamento não depende do que possuímos: um barril era suficiente para Diógenes, mas o mundo era pequeno para Alexandre.” ( C.C. Colton)

“O contribuinte é o único cidadão que trabalha para o governo sem prestar concurso.” (Ronald Reagan)

“O coração conhece o que a língua nunca poderá proferir e o que os ouvidos jamais poderão escutar.”

“O coração do tolo está na boca.”

“O coração é o relógio da vida. Quem não o consulta, anda naturalmente fora do tempo.” (Machado de Assis)

“O coração não tem rugas.” (Madame de Sévigné)

“O costume é rei porque faz a lei”.

“O costume é uma segunda natureza”.

“O defeito da igualdade é que só a queremos com os nossos superiores.” (Henry Becque)

“O degrau de uma escada não serve simplesmente para que alguém permaneça em cima dele, destina-se a sustentar o pé de um homem pelo tempo suficiente para que ele coloque o outro um pouco mais alto.” (Thomas Huxley)

“O demônio pode citar a Bíblia em seu proveito.” (Shakespeare)

“O desejo é a metade da vida; a indiferença é a metade da morte.” (Gibran Khalil Gibran, Areia e Espuma)

“O desonesto pode estar vestido com uma toga, que não cobrirá um magistrado mas uma repelente ferida social e moral.” (Edgar de Moura Bittencourt – In O Juiz, in Revista Consulex, ano II, nº 13, janeiro 1998, p. 16)

“O desrespeito à hora marcada é um ato de manifesta desonestidade. Roubar o tempo de alguém é como roubar-lhe o dinheiro.” (Horace Mann)

“O destino conduz aqueles que têm boa vontade, mas empurra os que não têm”. (provérbio chinês)

“O dever é aquilo que exigimos dos outros.” (Alexandre Dumas Filho)

“O dever supremo do sábio e seu interesse maior é resistir às aparências.” (Cícero)

“O dia do benefício é a véspera da ingratidão”.

“O dinheiro deve ser escravo e não senhor”.

“O dinheiro é bom servidor e mau senhor”.

“O dinheiro será teu senhor se não for teu escravo”.

“O direito à intimidade e à vida privada têm natureza de direito de personalidade, com precedência sobre o direito à honra conjugal.” (TJSP)

"O direito, de resto, não é uma QUESTÃO CIENTÍFICA, porém uma QUESTÃO POLÍTICA (Oscar Correas 1982/13). Citado por Eros Roberto Grau em KELSEN E A VISÃO FORMALISTA E POSITIVISTA DO DIREITO E A DOUTRINA REAL DO DIREITO

"O direito é apreendido do exterior: é uma criação do homem, não redutível às categorias e modelos rígidos da lógica formal (Menezes Cordeiro 1989/LXI)." Citado por Eros Roberto Grau em KELSEN E A VISÃO FORMALISTA E POSITIVISTA DO DIREITO E A DOUTRINA REAL DO DIREITO

“O encontro da preparação com a oportunidade gera o rebento que chamamos de sorte.” (Anthony Robbins)

“O epitáfio de muitas pessoas deveria ser: “Falecido aos 30, sepultado aos 60.” (Nicholas Murray Butler)

“O Estado sou eu.” (Luís XIV)

“O fenômeno da globalização atingiu em cheio os hábitos pessoais e rotinas profissionais exigindo de todos comportamento compatível com os avanços tecnológicos que o sistema global impôs. Mas é preciso tomar muito cuidado para que nãos se desmanche a utopia da busca do direito, que tem sido a pedra de toque de todos aqueles que mourejam na arte nobilíssima de concretizar o ideal de Justiça. Não se pode jamais perder de vista a sábia advertência aos jovens pelo saudoso Min. Aliomar Baleeiro: “Nestes tempos de automação, quando os juristas jovens entram em efervescência, com as possibilidades imensas da cibernética, e falam de prodígios mnemotécnicos dos computadores, aplicados aos pretórios, teremos de responder-lhes com muito carinho, para não decepcioná-los, que nós somos e seremos incorrigíveis artesãos do Direito, no trabalho manual de recortar, esculpir e polir cada solução, uma a uma, porque a Justiça, a despeito do entusiasmo cálido dos moços, não poderá ser produzida, acondicionada e distribuída em série, monotonamente padronizada.” O Advogado, refiro-me àquele profissional que está sempre nas trincheiras, dos passos acelerados que circula febricitantemente nos corredores forenses, conduzindo suas petições, sempre de olho nos prazos, na defesa dos interesses de seus clientes, esse anônimo obreiro do direito não pode passar desapercebido na data magna em que se comemora o ideário da classe. Em verdade, a comemoração é de todos, incluídos a Magistratura e o Ministério Público, cujos membros são igualmente e visceralmente advogados. Apenas na aparência pode existir características diferenciadoras, que atendem aos interesses do sistema da administração judiciária, mas intrinsecamente todos estão irmanados no ideal de Justiça que preside a vida de cada um. Três classes, fundidas numa única, que convergem num só sentido: o do bem-estar social. No dizer do Advogado paulista Euro Bento Maciel, “somos co-responsáveis necessários e indispensáveis à composição do triângulo equilátero que sustenta o tripé da jurisdição. O Judiciário precisa modernizar-se e adaptar-se às novas necessidades – e às novas realidades – do nosso tempo, com seu vertiginoso progresso do Estado, sua insuspeitada evolução da cultura e da tecnologia em todos os ramos do saber humano, e, sobretudo, com a enorme expansão demográfica, gerando problemas e situações até há pouco tempo inimaginados pelos novos avoengos. Nestes dias de inquietação e turbulência, temos assistido inermes ao desencadear amplo e pertinaz campanha de desprestígio da Justiça, com objetivos obscuros do interesse do Povo. É inadiável imperativo que o sentimento de solidariedade ligue os artífices do Direito, uma vez que a meta comum é a liberdade e a Justiça Social, sem as quais a vida não terá encanto. E nas palavras candentes do Des. Nelson Schiesari, de São Paulo, “é preciso cultivar a humildade que há de ser um ponto de partida significativo para a real elevação moral e espiritual de cada um de nós. E, a partir de então, procedermos a um constante exercício de auto-análise, com o decidido propósito de afastar alguns dos graves defeitos que prejudicam o nosso, sem dúvida, valioso mister. Ou então, abdicar de tudo isso e nos conformarmos com a mediocridade burocrática de nossa acomodação, a minar silenciosamente o real prestígio do Poder Judiciário.” Certamente não será preciso quedar-nos à segunda hipótese, porque a primeira é absolutamente factível e desejada por todos. É apenas um ato de vontade, de querença.” (Sérgio Couto – Editor Jurídico – COAD, Informativo, boletim semanal nº 31, 1998)

“O filósofo cínico Diógenes foi visto certa vez mendigando de uma estátua. Aos que lhe perguntavam o que fazia, respondia: “Estou treinando para ser rejeitado por homens tão insensíveis quanto esta estátua.” (Margolin)

“O fim da ambição é como o horizonte: recua à medida que avançamos.” (Beauchène)

“O fracasso é a mãe do sucesso”. (provérbio chinês)

“O fracasso é a oportunidade de começar de novo, inteligitemente.” (Henry Ford)

“O fraco nunca perdoa. O perdão é a característica do forte.” (Gandhi)

“O futuro destino de uma criança é sempre a obra de sua mãe.” (Napoleão)

“O futuro do homem não está nas estrelas, mas sim na sua vontade.” (Shakespeare)

“O futuro não virá, você irá busca-lo.” (Jonata Titotto)

“O glutão cava seu túmulo com seus dentes.” (Provérbio inglês)

“O grande homem é aquele que não perde o coração de criança.” (Mêncio)

“O hábito não faz o monge, mas o faz parecer de longe”.

“O homem começa a morrer na idade em que perde o entusiasmo.” (Balzac)

“O homem constrói a casa, a mulher o lar.”

“O homem e a mulher nasceram para se amar, mas não para viverem juntos. Todos os amantes célebres viveram separados.” (Noel Clarasó)

“O homem é a principal fonte de seu próprio infortúnio”. (provérbio chinês)

“O homem é aquilo que ele pensa, portanto pense no eterno.” (máxima hindu)

“O homem é fogo, a mulher estopa; vem o diabo e sopra”.

“O homem é mortal por seus temores e imortal por seus desejos.” (Pitágoras)

“O homem é o que ele acredita ser.” (Tchecóv)

“O homem é o único animal que pode permanecer, em termo amigáveis, ao lado das vítimas que pretende engolir, antes de engoli-las.” (Samuel Butler)

“O homem é um animal racional. Racional, às vezes; animal, quase sempre.” (Walther Waeny)

“O homem esquece mais facilmente a morte do pai do que a perda do patrimônio.” (Maquiavel)

“O homem médio tem cerca de 30 kg de músculos e apenas 1,50kg de cérebro – o que explica muita coisa.”

“O homem não é tão ferido pelo que acontece, e sim por sua opinião sobre o que acontece.” (Montaigne)

“O homem não pode fazer-se sem sofrer, pois é ao mesmo tempo o mármore e o escultor.” (Alexis Carrel)

“O homem nasce com as mãos fechadas, mas agoniza com as mãos abertas, porque, ao entrar no mundo, ele deseja agarrar tudo, mas ao deixá-lo, não leva nada consigo.” (O Talmud)

“O homem nasceu livre e em toda a parte se encontra algemado.” (Rousseau)

“O homem pode adquirir conhecimento ou se tornar um animal, como ele quiser. Deus faz os animais, o homem faz a si próprio.” (Georg Lichetnbery)

“O homem propõe e Deus dispõe”.

“O homem prudente não diz tudo quanto pensa, mas pensa tudo quanto diz.” (Aristóleles)

“O homem que sofre antes de ser necessário, sofre mais que o necessário.” (Sêneca)

“O homem superior é impassível por natureza: pouco se lhe dá que o elogiem ou censurem - ele não ouve senão a voz da própria consciência.” (Napoleão Bonaparte)

“O homem superior é impassível por natureza: pouco se lhe dá que o elogiem ou censurem - ele não ouve senão a voz da própria consciência. (Napoleão Bonaparte)

“O homem vale tanto quanto o valor que dá a si próprio.” (François Rabelais)

“O inesperado nem sempre acontece, mas quando acontece, é geralmente no momento em que menos esperamos.”

“O infortúnio conquista as almas fracas, enquanto os grandes espíritos dominam os reveses”. (provérbio chinês)

“O insulto é a razão de quem não tem razão.” (Francisco de Quevedo)

“O juiz é servo da lei, não passando de aspiração doutrinária, contestável e perigosa, a tese de que deve ter o poder de julgar contra a lei.” (Orlando Gomes – Introdução ao Direito Civil, 3ª ed., In O Juiz, in Revista Consulex, ano II, nº 13, janeiro 1998, p. 16)

“O juiz é sobretudo o homem prudente que deve saber dosar, com sabedoria e descortino, o exercício de suas funções, notadamente quando está em jogo, pela flexibilidade da situação jurídica que se lhe apresente, o seu arbítrio de bom varão.” (José Frederico Marques, “Elementos de Direito Processual Penal”, 1965, vol. II, p. 168, in COAD ADV, Informativo, boletim semanal nº 39, 1998)

“O justo não é, frisa Aristóteles, algo diferente da eqüidade. Esta é suscitada pelas circunstâncias particulares do caso. Entretanto, tanto a fonte inspiradora da lei como a do ato de eqüidade que dirime um caso concreto são uma e mesma: a igualdade que deve ser realizada entre os indivíduos, pois que quem pratica a eqüidade age como agiria o legislador na mesma situação. Justo é, finalmente, na concepção aristotélica, “o que observa a lei e a igualdade”, ou o que é conforme a lei e a eqüidade. Ambos, porém, a eqüidade no momento da aplicação da lei e o justo na da sua elaboração, procuram realizar uma só coisa: a essência da virtude da justiça que é a igualdade. Ambos consultam o ditame da razão, a igualdade: um no momento abstrato da lei, outro no momento concreto da realização da justiça (“A idéia de Justiça em Kant – seu fundamento na igualdade e na liberdade” – UFMG, 1986, Cap. I, § 13m o, 43).” (Min. Sálvio de Figueiredo Teixeira, Informativo COAD, boletim semanal nº 13, 1999)

“O lar é onde os grandes são pequenos e os pequenos, grandes.”

“O livro é um mudo que fala, um surdo que responde, um cego que guia, um morto que vive.” (Antônio Vieira)

“O magistrado é um homem livre, servidor da lei e escravo da justiça.” (Edgar de Moura Bittencourt – In O Juiz, in Revista Consulex, ano II, nº 13, janeiro 1998, p. 16)

“O maior ato de fé é quando um homem decide que não é Deus.” (Oliver Wendell Holmes, Jr.)

“O maior defeito da mulher – é o homem.” (Júlio Dantas)

“O maior dos erros é a pressa antes do tempo e a lentidão ante a oportunidade.” (máxima árabe)

“O maior enganado é aquele que engana a si próprio.” (Ralph Waldo Emerson)

“O maior problema do mundo podia ter sido facilmente resolvido quando era pequeno.” (Lao Tse)

“O marido: ‘Agora que estamos casados, talvez possa arriscar-me a apontar alguns de teus pequenos defeitos.’ A mulher: ‘Não te incomodes, querido. Conheço-os todos. Esses pequenos defeitos impediram-me de conseguir um homem melhor do que tu.”

“O mau cobrador faz o mau pagador.”

“O medo da morte nos impede de viver, não de morrer.” (Paul C. Roud)

“O medo do perigo é dez mil vezes mais terrífico do que o próprio perigo.” (Daniel Defoe)

“O medo tem algumas utilidades, mas a covardia não.” (Gandhi)

“O medroso até da sombra tem medo”.

“O melhor modo de se vingar de um inimigo é não se assemelhar a ele. ” Marco Aurélio Antonino

“O muito torna-se pouco com desejar um pouco mais.” (Francisco de Quevedo)

“O mundo do Direito, na realidade, não é um mundo suficiente em si. O julgador há de ter nítida consciência quanto a haver uma interdependência e interpenetração entre as coisas do mundo estritamente jurídico e a totalidade do mundo, provocando um influir e um reinfluir constante entre eles.” (Des. Moacir Adiers, do TJRS, in COAD, Informativo, boletim semanal nº 7, 1998)

“O mundo não está interessado nas tempestades que encontraste. Quer saber se trouxeste o navio.” (William Mac Fee)

“O mundo progride pouco por que os homens procuram apoio nos demais e nunca em si mesmo.” (Hippel)

“O mundo seria muito melhor se cada um se esforçasse em ser bom tanto quanto se esforça para parecer bom.”

“O néscio aplica todas as energias na vingança; o perdão é a vingança da sabedoria.” (C. Wernicke)

“O olho do dono engorda o boi”

“O oposto do amor não é o ódio e sim, a indiferença.” (Érico Veríssimo)

“O paraninfo é o professa a quem incumbe a última lição e o amigo a quem cabe o primeiro conselho.” (Oswaldo Aranha)

“O passado é o maior profeta do futuro.” (Lord Byron)

O pátrio poder é instituto da evolução social, firmado nos ‘sentimentos de benevolência para com os entes fracos colocados sob nossa proteção, sentimentos que, se não fruto da vida em sociedade, como pensam alguns escritores, são pela vida social desenvolvidos, aperfeiçoados, acrisolados; certo amor próprio, que leva os chefes de família a verem nas qualidades dos descendentes suas próprias virtudes, julgando que renascem na prole’.” [Pátrio Poder, Ed. Siqueira, Nagel & Cia, SP, 1912, p. 11] (João Arruda, Professor da Faculdade de Direito de São Paulo, in Ap. Cívl. 226.501-4/0, Rel. Des. Ênio Zuliani, COAD/ADV, Informativo semanal 05/2004)

“O pé do dono aduba o roçado”.

“O peixe graúdo come o miúdo”.

“O pensamento não tem amarras”.

“O pessimista é um otimista com experiência.” (François Truffaut)

“O pessimista se queixa do vento. O otimista espera que ele mude. O realista ajusta as velas.” (William George Ward)

“O pior pecado contra nosso semelhante não é o de odiá-los, mas de ser indiferentes para com eles. (Bernard Shaw

“O poder é o camaleão ao contrário: todos tomam a sua cor.” (Millor Fernandes)

“O poder só é limpo quando se traduz em serviço.” (Francisco de Juanes)

“O poder, o dinheiro e a celebridade são eficazes afrodisíacos.” (Richard Burton)

“O povo aumenta, mas não inventa”.

“O presente é a sombra que se move separando o ontem do amanhã. Nela repousa a esperança.” (Frank Lloyd Wright)

“O presente estava no passado como a conseqüência já está na causa.” (Henri Bergson)

“O primeiro dos bens, depois da saúde, é a paz interior.” (François de La Rochefoucauld)

“O primeiro passo é o que custa.”

"Os homens de grande superioridade intelectual são, nas repúblicas, pouco compatíveis com a mediocridade dos círculos governamentais." Eduardo Prado: A ilusão americana. Citado por Pedro Nava, em O círio perfeito. Editora Nova Fronteira.
Postar um comentário

ITANHAÉM, MEU PARAÍSO

ITANHAÉM, MEU PARAÍSO
Ah, se eu pudesse! Você pode! A escolha é sempre sua.

Quem sou eu

Minha foto

Da capital, já morei entre verde e bichos, na lida com animais e plantas: anos de injeção, espinho de ouriço, berne, parto de égua e curva de nível, viveiros, mudas, onde encontrei tempo para lecionar inglês, alfabetizar adultos e ler livros, na solidão do mato. 

Paixões se sucederam e convivem até hoje: Contabilidade, Economia, Arquitetura (IMES, MACK), a chácara e, afinal, o Direito (FDSBC, cursos e pós graduações). No Judiciário desde 2005, planto, replanto, reciclo, quebro paredes, reconstruo, estudo, escrevo e poetizo, ao som de passarinhos, que cantam nossa liberdade.

Não sou da cidade, tampouco do campo. Aprendiz, tento captar o que a vida oferece, para que o amanhã seja melhor. Um mundo melhor, sempre.

Agora em uma cidade mágica, em uma casa mágica, na qual as coisas se transformam e ganham vida; mais e mais vida. Minha cidade-praia-paraíso, Itanhaém.

Nesta casa de espaços amplos e um belo quintal, que jamais é a mesma do dia anterior, do minuto anterior (pois a natureza cuida do renovar a cada instante o viço, as cores, flores, aromas e sabores) retomei o gosto pelo verde, por releituras de espaços e coisas. Nela planto o que seja bom de comer ou de ver (ou deixo plantado o que Deus me trouxe), colho, podo, cozinho os frutos da terra, preparo conservas e invento pratos de combinações inusitadas, planejo, crio, invento, pinto e bordo... sonho. As ideias brotam como os rebentos e a vida mostra-se viva, pulsante.

Aqui, em paz, retomo o fazer miniaturas, componho terrários que encantam, mensagens de carinho representadas em pequenas e delicadas obras. 

Muito prazer! Fique à vontade, passeie um pouco: questões de Direito, português, crônicas ("causos"), jardinagem e artesanato. Uma receita, uma experiência nova, um redescobrir. 

Pergunte, comente, critique, ok? A casa é sua e seu comentário será sempre bem-vindo.

Maria da Gloria Perez Delgado Sanches

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!